Dell vai fabricar no Brasil PCs voltados a mercados emergentes

quarta-feira, 27 de agosto de 2008 15:36 BRT
 

Por Taís Fuoco

SÃO PAULO (Reuters) - A Dell anunciou hoje, em uma estratégia mundial, a criação de uma família de notebooks e desktops voltados a mercados emergentes.

No Brasil, a linha vai ser produzida na unidade de Hortolândia (SP), dentro do programa de governo Processo Produtivo Básico (PPB), que garante incentivos fiscais, e chega ao mercado até o final deste ano.

Com foco no segmento de pequenas e médias empresas, além de escolas e órgãos de governo, a linha, batizada de Vostro, traz outra novidade ao Brasil: será a primeira família de microcomputadores da Dell que não será vendida em seu site na Internet.

Fernando Loureiro, diretor global da Dell para mercados emergentes, explicou, em entrevista à Reuters, que "a idéia é ter capilaridade" em todo o Brasil e, por isso, a empresa vai usar sua rede de revendas.

Os cerca de 64 revendedores já credenciados vão ser treinados para os novos equipamentos e poderão oferecer linhas de financiamento específicas para as pequenas e médias empresas, de acordo com o executivo.

Segundo Loureiro, também é a primeira vez que uma família de produtos não é desenvolvida na matriz norte-americana da Dell, mas por equipes de cada um dos países emergentes.

"Foi desenhado um produto comum, mas cada país tem flexibilidade para adaptar de acordo com as suas características", explicou.

Segundo ele, "o Brasil vai produzir para ter o menor custo possível", mas os trâmites do PPB vão exigir "alguns meses" para que as máquinas cheguem ao varejo especializado.   Continuação...