Executivo da Microsoft diz que Yahoo seria "acelerador"

quarta-feira, 28 de maio de 2008 11:52 BRT
 

SEATTLE, Estados Unidos (Reuters) - A tentativa da Microsoft de fechar um acordo com o Yahoo é um "acelerador" da estratégia online da empresa, mas não é a única resposta na área de Internet, disse o principal executivo de software da companhia nesta quarta-feira.

Ray Ozzie, arquiteto-chefe de software da Microsoft, disse em conferência de investidores que o acordo potencial com o Yahoo ajudaria a Microsoft a avançar na construção de uma plataforma forte de publicidade online e a aumentar a base de usuários.

Mesmo assim, Ozzie enfatizou que o acordo com o Yahoo não é "uma estratégia em si mesma". Ele não detalhou a natureza das atuais discussões com o Yahoo.

A Microsoft afirmou nas últimas semanas que está envolvida em novas conversações com o Yahoo sobre um acordo, sem tratar de uma aquisição completa. O conselho de administração do Yahoo rejeitou a oferta de compra feita pela Microsoft, afirmando que a proposta avaliada em 47,5 bilhões de dólares subestimavam a companhia.

Uma fonte próxima às discussões disse que a Microsoft, nas últimas conversas, propôs a compra da unidade de buscas do Yahoo e de uma parte da empresa após redução dos ativos do Yahoo na Ásia.