Bain e Huawei planejam nova oferta pela 3Com, diz jornal

sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008 12:04 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A Bain Capital e a chinesa Huawei pretendem refazer um pedido de apelação para obter aprovação dos Estados Unidos para a planejada aquisição da 3Com Corp, por 2,2 bilhões de dólares, nas próximas semanas, afirmou o Wall Street Journal desta sexta-feira.

A nova transação ainda deixa a Huaewi com 16,5 por cento da empresa e a Bain detendo o restante, afirmou o jornal citando fonte próximas à questão.

A Bain Capital não estava imediatamente disponível para comentar o assunto.

A 3Com, fabricante de equipamentos de rede, afirmou na quinta-feira que tenciona encerrar a reunião dos acionistas desta sexta-feira sem fazer votação sobre a proposta de compra. A empresa afirmou que continuará a discutir o assunto com a Bain e fazer a reunião no dia 7 de março.

A empresa de private equity Bain e a Huawei, maior fabricante chinesa de equipamentos de telecomunicações, retiraram sua oferta pela 3Com no início do mês depois de falhar em obter aprovação do Comitê de Investimentos Estrangeiros nos Estados Unidos, que analisa os acordos corporativos com compradores estrangeiros.

(Reportagem de Yinka Adegoke)