France Telecom retira oferta de US$40 bi pela TeliaSonera

segunda-feira, 30 de junho de 2008 09:56 BRT
 

Por Sudip Kar-Gupta e Johannes Hellstrom

PARIS/ESTOCOLMO (Reuters) - A France Telecom retirou sua oferta de 40 bilhões de dólares pela TeliaSonera nesta segunda-feira, fazendo as ações da operadora nórdica de telecomunicações despencarem, mas dando certo alívio aos investidores da companhia francesa.

A France Telecom estava restrita por suas metas financeiras enquanto analistas afirmam que a Suécia, grande acionista da TeliaSonera, tinha receio de vender sua parte a um preço muito baixo por razões políticas.

As ações da TeliaSonera tinham queda de 13 por cento, para 43,3 coroas suecas, enquanto os papéis da France Telcom subiam 7,3 por cento.

"Ao se retirar, a France Telecom mostrou que não está disposta a fazer grandes aquisições a qualquer custo", afirmou Vincent Griffon, analista CM-CIC Securities. "Esse anúncio deve acalmar os investidores".

A oferta em ações e dinheiro da France Telecom, anunciada em 5 de junho, não conseguiu convencer o conselho da TeliaSonera, que disse que a oferta era muito baixa. As duas empresas tiveram conversas mas a TeliaSonera afirmou que os termos não tiveram uma melhora significativa.

A empresa francesa afirmou que o acordo não avançou por questões financeiras. "Apesar do interesse mostrado no projeto, o diálogo aberto com o conselho de diretores da TeliaSonera não foi capaz de chegar a um acordo sobre suas condições financeiras", afirmou a France Telecom e comunicado.

A companhia acrescentou que a compra da TeliaSonera "não é essencial no avanço de sua estratégia".