PRÉVIA-Analistas descartam impacto da crise na Brasil Telecom

terça-feira, 14 de outubro de 2008 17:56 BRT
 

Por Taís Fuoco

SÃO PAULO (Reuters) - Com parcela pequena de seu endividamento em dólares sem hedge, a Brasil Telecom deverá apresentar um balanço sem supresas na quinta-feira, quando divulga os resultados do terceiro trimestre deste ano.

A expectativa média dos analistas ouvidos pela Reuters é a de que a companhia apresente um lucro líquido similar ao do mesmo trimestre do ano passado, de 150 milhões de reais, e uma receita líquida 4,5 por cento superior, de 2,872 bilhões de reais.

A analistas esperam que, como nos últimos trimestres, a telefonia móvel e a banda larga impulsionem o faturamento, enquanto a telefonia fixa segue estagnada.

A variação esperada também é pequena na geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, da sigla em inglês).

Na média, a expectativa é de um Ebitda de 1,005 bilhão de reais, ante os 970,1 milhões de reais verificados no terceiro trimestre de 2007.

SEM EFEITOS DA PORTABILIDADE

A portabilidade numérica, que começou em oito cidades do país em agosto, ainda não vai se fazer notar no balanço da Brasil Telecom, ainda que dois dos municípios estejam em sua área de cobertura (Goiânia e Campo Grande).

"Não vai aparecer agora, talvez só no quarto trimestre deste ano ou no primeiro trimestre de 2009, quando a portabilidade estará nas grandes capitais", afirmou a analista Luciana Leocadio, da Ativa Corretora.   Continuação...