Microsoft diz que acordo com Yahoo ainda faz sentido

quinta-feira, 16 de outubro de 2008 14:28 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - As ações do Yahoo disparavam mais de 10 por cento nesta quinta-feira, depois que o presidente-executivo da Microsoft, Steve Ballmer, afirmou que um acordo entre as duas companhias ainda tem sentido econômico para os acionistas.

De acordo com informações da agência Bloomberg, Ballmer disse em uma conferência em Orlando, na Flórida, que apesar das companhias poderem buscar uma parceria no futuro, não há negociações no momento.

Um porta-voz da Microsoft não comentou de imediato o assunto.

Negociações entre Microsoft e Yahoo foram rompidas em julho, depois que a companhia de Internet rejeitou proposta da gigante do software para compra da divisão de buscas e de parceria na divisão de receitas.

O Yahoo também rejeitou oferta de aquisição total feita pela Microsoft em maio. A oferta era de 33 dólares por ação do Yahoo.

Desde então, as ações do Yahoo chegaram a cair a 11,37 dólares. Nesta quinta-feira, as ações da empresa eram negociadas a 13 dólares na Nasdaq. As ações da Microsoft tinham alta de 0,8 por cento, cotadas a preço de 22,8 dólares.

(Reportagem de Franklin Paul)