Intel mostra otimismo sobre mercado de laptops em 2009

terça-feira, 21 de outubro de 2008 11:59 BRST
 

Por Baker Li

TAIPÉ (Reuters) - O mercado de laptops para consumidores pessoa física estará em boa forma no ano que vem, apesar da desaceleração da economia mundial, já que terá de atender à demanda crescente por modelos otimizados para o uso da Internet, declarou na terça-feira o líder da Intel para a região Ásia-Pacífico.

Uma semana atrás, a Intel, maior fabricante mundial de chips para computadores, anunciou a mais forte receita de sua história em um terceiro trimestre, com lucro superior a previsões de Wall Street.

"O mercado de laptops pessoais se sustentará", disse Navin Shenoy, diretor geral da Intel na região Ásia-Pacífico, em entrevista à Reuters, durante o Intel Development Forum, um evento de dois dias em Taipé.

"O mercado comercial está menos claro, mas acredito que os mercados emergentes e o mercado de laptops pessoais continuarão muito bem", disse Shenoy, que responde pelas vendas e marketing de produtos da Intel na região, excluindo Japão e China. Ele evitou fazer projeções.

Os chips Centrino usados principalmente em laptops marcaram a entrada da Intel no mercado da comunicação sem fio e a empresa também está aproveitando um novo mercado para laptops menores e mais baratos, conhecidos como netbooks, dirigidos a mercados emergentes e a compradores que desejam a flexibilidade de ter mais de uma máquina.

"Em um mercado ascendente, qualquer produto vence, mas em um mercado em desaceleração apenas os melhores produtos vencem", disse Shenoy. "Seremos fortes com as nossas linhas de produtos", acrescentou.

No fórum da empresa, a Intel exibiu uma linha de netbooks equipados com chips Atom, entre os quais modelos da Dell, Acer e Asustek Computer, cujo popular Eee é vendido por entre 299 dólares e 699 dólares.

A Intel registrou receita de 10,2 bilhões de dólares no terceiro trimestre, com oito por cento de alta ante o período precedente; cerca de 200 milhões de dólares desse faturamento derivaram dos processadores de baixo preço Atom, para computadores de custo reduzido.

(Por Baker Li)