CBS registra perdas de US$12,5 bi com baixa contábil

quinta-feira, 30 de outubro de 2008 18:30 BRST
 

Por Paul Thomasch

NOVA YORK (Reuters) - A CBS Corp. registrou 12,5 bilhões de dólares de prejuízo trimestral, provocado por uma baixa contábil e uma deterioração do mercado publicitário, mas suas ações subiram 6 por cento depois que o presidente do conselho e maior acionista, Sumner Redstone, afirmou seu comprometimento com a companhia.

Os investidores também pareceram aliviados que a companhia de radiodifusão tenha reiterado seus planos de pagar dividendos, mesmo depois de ter uma despesa de 14,1 bilhões de dólares no terceiro trimestre por bens intangíveis e outros ativos que perderam valor nas turbulências da economia.

Alguns analistas, entretanto, incluindo David Miller, da Caris & Co's, disseram que os investidores estão colocando ênfase demais no pagamento de dividendos da CBS.

"Achamos quase inacreditável que os acionistas estejam dando tanta importância nesse suculento rendimento dos dividendos de 12,4 por cento, e menos ênfase na noção de que a CBS verá uma severa retração em seus ganhos do próximo ano", escreveu Miller.

Redstone, em uma teleconferência, tentou acalmar as preocupações com seu compromisso com o império de mídia que ele construiu e controla através das ações ordinárias.

Recentemente, Redstone vendeu ações da CBS e de sua co-irmã Viacom para pagar dívidas da empresa de capital fechado National Amusements Inc. (NAI).

A atitude levantou dúvidas sobre o futuro da CBS e sobre se Redstone poderia vender mais papéis da empresa ou mesmo toda a companhia.