Celular do Google custa US$ 144 em materiais--iSuppli

terça-feira, 11 de novembro de 2008 15:26 BRST
 

LONDRES (Reuters) - O primeiro celular produzido com o sistema operacional Android, do Google, que está sendo vendido pela T-Mobile ao preço de 179 dólares nos Estados Unidos, tem custo de 144 dólares em componentes e materiais, de acordo com o grupo de pesquisa iSuppli.

O T-Mobile G1, fabricado pela HTC, de Taiwan, tem uma tela de toque e teclado alfanumérico completo, bem como aplicativos populares do Google, tais como buscas, mapas e e-mail. E é considerado como o mais forte concorrente do Apple iPhone.

A iSuppli informa que sua estimativa de "custo de materiais", que exclui custos de software, pesquisa e desenvolvimento, produção e acessórios, se baseia em um modelo de custos e não em um exame físico do aparelho.

Ainda não foi realizado um desmonte do aparelho para determinar que componentes foram usados em sua fabricação, mas a iSuppli informou na terça-feira que o G1 continha um processador multimídia e modem centrais projetados pela ARM, do Reino Unido.

Além disso, a iSuppli informou acreditar que o G1 estivesse bem acima da média setorial em termos de facilidade de uso, mas que ainda apresentava certo atraso com relação à interface de uso do iPhone.

O grupo também informou que o design do produto e seu acabamento não ofereciam os fatores de atração estéticos de concorrentes mais bonitos.

"A principal vantagem do G1 é sua integração com os serviços de Internet do Google e sua capacidade de integrar o fluxo de aplicativos gratuitos que estão surgindo", afirmou Tina Teng, analista sênior de comunicação móvel da iSuppli, em comunicado.

(Reportagem de Georgina Prodhan)