Google cortará empregados terceirizados, informa jornal

terça-feira, 25 de novembro de 2008 13:25 BRST
 

BANGALORE (Reuters) - O Google,gigante das buscas na Internet, disse que está reduzindo "significativamente" o número de trabalhadores terceirizados que utiliza, mas não tem planos até o momento de demitir funcionários, informou o Wall Street Journal.

"Estamos pensando há algum tempo, antes da fase mais aguda da crise econômica, em reduzir significativamente o número de terceirizados", disse a porta-voz da empresa, Jane Penner, ao jornal.

O Google se recusou a especificar quantos trabalhadores terceirizados serão cortados, e Penner também não informou o ritmo em que a companhia irá dispensar tais trabalhadores, segundo o jornal.

A companhia terminou o terceiro trimestre com 20.123 empregados e cerca de 10 mil trabalhadores terceirizados, de acordo com o periódico.

O Google não pode ser imediatamente contatado pela Reuters para comentar.

(Reportagem de Sakthi Prasad)