Vendas de PCs devem cair 5,3% em 2009, diz IDC

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008 14:49 BRST
 

BOSTON, Estados Unidos (Reuters) - A empresa de pesquisa de mercado IDC cortou previsão de venda de computadores pessoais em 2009 e espera que o valor das vendas recue 5,3 por cento. Tais ações acontecem em um momento em que a economia enfraquecida desencoraja compradores e o aperto de crédito impede outros de comprarem PCs.

A IDC, que acompanha as vendas de produtos de tecnologia, previa anteriormente que os embarques globais de computadores pessoais aumentariam 4,5 por cento no próximo ano.

"O que mudou é primeiramente uma reação à economia", disse Loren Loverde, analista do IDC. A empresa emitiu sua última previsão para as vendas de PCs há cerca de três meses.

O total de vendas unitárias de PCs produzidos por empresas que incluem Hewlett-Packard, Dell, Lenovo, Acer e Apple deve subir 3,8 por cento no próximo ano, em queda ante crescimento de 12,4 por cento em 2008, informou a IDC.

Há uma discrepância entre o crescimento de unidades vendidas e o valor dos PCs porque os preços estão caindo à medida que os consumidores e as empresas reservam menos do orçamento para novas compras, disse Loverde.

"Compradores estão acompanhando seus bolsos um pouco mais de perto. Eles estão menos inclinados a atualizar suas máquinas ou comprar aquele processador mais rápido", acrescentou.