Austrália aceita uso de rede social em entrega de intimação

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008 10:15 BRST
 

CANBERRA (Reuters) - Advogados na Austrália esperam que o site de rede social Facebook vai se tornar uma nova maneira de rastrear réus após decisão histórica de um tribunal.

A Suprema Corte da capital do país, Canberra, decidiu que o Facebook é uma maneira suficiente para entrega de documentos legais a acusados que não podem ser encontrados de outra forma.

O caso envolveu um casal que não quitou um empréstimo e não pode ser localizado.

"Nós não pudemos encontrá-los pessoalmente depois de muitas tentativas, então pensamos que poderíamos achá-los no Facebook", disse o advogado Mark McCormack.

"Fizemos uma pesquisa pública baseada no endereço de email deles que tínhamos e a página dos acusados no Facebook apareceu."

Ele disse que isso foi suficiente para convencer o tribunal, que decidiu que o Facebook é suficiente na entrega de documentação legal quando é responsabilidade do queixoso entregar pessoalmente documentos.

(Por James Grubel)