Steve Jobs inicia tratamento contra desequilíbrio hormonal

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009 12:27 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - O presidente-executivo da Apple, Steve Jobs, informou nesta segunda-feira que tem perdido peso desde 2008 por conta de um desequilíbrio hormonal, mas informou ter iniciado um tratamento e espera recuperar sua antiga forma este ano.

Jobs informou que vai continuar a desempenhar suas funções como presidente-executivo da empresa que fabrica o iPhone, o Ipod e os computadores Mac durante o tratamento, enquanto o conselho de administração da companhia divulgou um comunicado em que garante apoio ao executivo. As ações da empresa subiam mais de 3 por cento, no pregão eletrônico desta segunda-feira.

O analista David Lutz, diretor do US Equity Trading, afirmou que "isso (a explicação do executivo) irá aliviar uma série de preocupações que hoje atingem as ações".

Para ele, o fato da companhia ter um caixa robusto e de Jobs ter vindo a público esclarecer os problemas com sua saúde garantem o otimismo sobre os papéis da empresa nesta segunda-feira.

"É muito positivo que ele tenha vindo a público esclarecer isso", afirmou Vijay Rakesh, analista do Thinkequity LLC. Dessa forma, Jobs pôs fim às especulações sobre sua saúde e vai permitir que as pessoas se concentrem nos negócios.

O anúncio segue-se a preocupações de investidores depois que a Apple informou recentemente que Jobs, que sobreviveu ao câncer, não faria uma tradicional palestra na Macworld, feira que acontece esta semana e trata dos produtos da companhia.

"Como dissemos anteriormente, se algum dia chegar o momento em que Steve queira se aposentar ou por qualquer outra razão não continuar a cumprir suas funções como presidente-executivo da Apple, vocês saberão", informou a Apple em comunicado.

 
<p>Steve Jobs em evento da Apple em San Francisco, no dia 12 de setembro de 2006. Jobs, informou nesta segunda-feira que tem perdido peso desde 2008 por conta de um desequil&iacute;brio hormonal, mas informou ter iniciado um tratamento e espera recuperar sua antiga forma este ano. REUTERS/Dino Vournas (UNITED STATES) (Newscom TagID: rtrphotos2657173) [Photo via Newscom]</p>