January 9, 2009 / 3:57 PM / in 9 years

Oi espera sinergias de até R$1 bi com a Brasil Telecom

5 Min, DE LEITURA

Por Denise Luna

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A integração entre a Oi e a Brasil Telecom vai gerar uma economia em valor presente de 1 bilhão de reais por meio de sinergias, informou o presidente da operadora nascida nesta sexta-feira, Luiz Eduardo Falco, horas depois de ter assinado o cheque de 5,4 bilhões de reais que pôs um ponto final na negociação que se arrastou por todo 2008.

Ele explicou que o custo anual das duas empresas gira em torno dos 23 bilhões de reais e após a integração total, prevista para ocorrer em 18 meses, pelo menos 1 bilhão de reais poderá ser reduzido dessa conta.

"Há oportunidade de sinergia porque você vai integrar as plataformas", disse Falco a jornalistas sem dar detalhes.

"Entramos na empresa (Brasil Telecom) pela primeira vez hoje, vamos avaliar se as premissas que usamos para montar nosso plano de ação são reais", explicou o executivo.

Um dos primeiros produtos da nova configuração será o lançamento da TV por assinatura via satélite, que será oferecido ao mercado no primeiro semestre desse ano.

Mesmo com o caixa mais baixo depois da compra, mas ainda "no limite do conforto", segundo Falco (em torno dos 6 bilhões de reais), a Oi poderá partir para compras no exterior, já que no Brasil dificilmente poderá aumentar sua abrangência por problemas de concorrência.

"Eu adoraria comprar a Intelig, mas acho que o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) não ia deixar", brincou.

CRISE NÃO ASSUSTA

Com planos ambiciosos de dobrar o número atual de assinantes e de fazer investimentos de 30 bilhões de reais nos próximos cinco anos, Falco afirmou que a crise financeira que vem enfraquecendo a economia mundial não assusta a Oi.

"Crédito tem, só ficou mais caro...nós não tiramos do radar as aquisições, mas temos que ver nossos compromissos de caixa, se encaixar, nós compramos", avaliou, ressaltando que no momento não há um ativo específico na mira da companhia.

"No Brasil nossa receita vai encostar na Telefônica, mas no mundo somos menores e precisamos de um caminho a ser percorrido no mercado global", afirmou.

Os planos da Oi são de atingir 110 milhões de assinantes em cinco anos, dos quais 30 milhões no exterior. De acordo com Falco, a preferência da atuação internacional será em países de língua portuguesa, como na África, mas existem também oportunidades na Venezuela, Chile, Peru, Argentina e Caribe.

"Fizemos um esforço grande de caixa para a BrT, mas se surgir alguma mosca branca nós vamos nos movimentar", afirmou.

A nova operadora, atualmente com 53 milhões de assinantes e receita bruta de 40 bilhões de reais, poderá manter algumas marcas da Brasil Telecom, como o provedor de Internet IG, informou Falco.

"Se tiver algum produto que faça sentido, não vamos mudar, a marca IG tem toda chance de continuar", previu

A sobreposição de clientes, segundo ele, acontece apenas na área corporativa e em termos de números de mercado não significa impacto relevante para a Oi, "é traço", resumiu.

O primeiro passo da integração foi a consolidação de gestão, com a diretoria presidida por Falco e 14 diretores. Da companhia adquirida vieram três diretores --Luiz Perrone, que assume a área de assuntos internacionais, Francisco Santiago, que ficou com operações, e Jorge Jardim, que responderá pelo relacionamento institucional. Mais dois foram buscados no mercado e os demais já estavam na Oi.

"Os passos seguintes serão incorporações, temos interesse em fazer rápido, é um processo que se finaliza por completo em 2010", avaliou.

A empresa tem 30 dias para fazer uma oferta de recompra das ações dos minoritários da Brasil Telecom, onde deverá gastar cerca de 3 bilhões de reais se houver adesão total dos acionistas.

Edição de Taís Fuoco

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below