Nortel mantém silêncio sobre pagamento de juros esta semana

terça-feira, 13 de janeiro de 2009 18:13 BRST
 

Por Wojtek Dabrowski

TORONTO (Reuters) - A Nortel Networks tem um pagamento de juros no valor de 107 milhões de dólares que vence na quinta-feira, mas a fabricante canadense de equipamentos para redes, que enfrenta uma crise, não confirmou se o realizará.

"Nossa política é não comentar sobre nossas obrigações para com os credores, além daquilo que revelamos em nossa documentação pública", disse um porta-voz da empresa na terça-feira quando questionado se o pagamento será feito.

As ações da Nortel caíram em 37 por cento, para 44 centavos de dólar canadense na bolsa de valores de Toronto, na terça-feira. No final de 2000, elas valiam mais de 1,1 mil dólares canadenses, se considerada uma consolidação de ações realizada no final de 2006.

A Nortel -- maior fabricante norte-americana de equipamento telefônico -- tinha cerca de 2,3 bilhões de dólares em reservas de caixa e equivalentes no final de setembro, o que sugere que não deve ter dificuldades para fazer um pagamento de juros de 107 milhões de dólares.

Mas Duncan Stewart, analista da DSAM Consulting, em Toronto, disse que "a questão não é saber se podem ou não pagar".

"A idéia é que, se uma empresa sabe que vai ter de deixar de pagar no futuro próximo, por que não deixar de fazê-lo agora e conservar o dinheiro dos juros que teria pago?", ele acrescentou.

Mark Sue, analista da RBC Capital Markets, advertiu que uma concordata é "uma possibilidade clara" para a Nortel, sediada em Toronto, e que a empresa poderia desabar ao peso das dívidas com vencimento anterior a 2011 que constam de suas contas.

No mês passado, uma reportagem informava que a Nortel havia procurando assistência jurídica sobre uma possível concordata, caso seu atual plano de reestruturação fracasse.   Continuação...