Ações da Microsoft caem a menor nível desde 1998

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009 15:54 BRST
 

NOVA YORK (Reuters) - As ações da Microsoft despencavam cerca de 10 por cento nesta quinta-feira, para o menor patamar desde janeiro de 1998, após a empresa divulgar um lucro trimestral decepcionante e informar que demitirá 5 mil pessoas.

Os papéis afundavam 9,8 por cento, a 17,49 dólares, às 15h51 (horário de Brasília). Na mínima, eles chegaram a 17,19 dólares.

Veja abaixo as principais medidas de corte de custos anunciadas pela empresa nesta quinta-feira:

- Investimentos no ano fiscal 2009 serão reduzidos em 700 bilhões de dólares;

- Eliminação de até 5 mil postos de trabalho nas áreas de pesquisa e desenvolvimento, marketing, vendas, finanças, jurídico, recursos humanos e tecnologia da informação nos próximos 18 meses

- Desse total, 1,4 mil empregos serão eliminados a partir desta quinta-feira

- Eliminação de bonificações por mérito a partir de setembro;

- Corte de até 20 por cento nas despesas de viagens;

- Redução nos orçamentos de marketing

(Por Leah Schnurr e david Lawsky)