Dell arma plano para entrar no mercado de smartphones--WSJ

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009 10:23 BRST
 

LOS ANGELES, Estados Unidos (Reuters) - A Dell está planejando ingressar na arena dos celulares inteligentes já no próximo mês, produzindo e vendendo aparelhos para revitalizar uma operação afetada pela queda nas vendas de PCs. O plano também deixará a companhia em briga mais ferrenha com a Apple, publicou o Wall Street Journal.

A segunda maior fabricante de computadores pessoais do mundo, que está projetando protótipos há mais de um ano, esta focando em smartphones como os produzidos pela RIM e Apple, afirma o jornal, citando fontes próximas do assunto.

Se lançados, os celulares serão baseados nos sistemas operacionais Android, do Google, e Windows Mobile. Um dos modelos pode vir equipado com tela sensível a toques, como o iPhone, publicou o jornal.

Entretanto, a Dell não finalizou seus planos e pode abandoná-los, inclusive.

Representantes da Dell e da Microsoft não comentaram o assunto e o porta-vozes do Google não estavam disponíveis para falar.

A empresa de pesquisa IDC espera que os embarques de smartphones cresçam 8,9 por cento em 2009, numa performance melhor que o previsto declínio do mercado celular como um todo no mundo.

O presidente-executivo da Dell, Michael Dell, que retornou em 2007 para a empresa que fundou, tem explorado novos mercados, mas tentativas anteriores da empresa de se diversificar para novas áreas, incluindo um plano para venda de players de música digital, foram abandonados.

A Dell contratou Ron Garriques, ex-chefe de celulares da Motorola, para movimentar sua divisão de produtos de consumo. Por causa de uma cláusula de não concorrência, Garriques está barrado de trabalhar com celulares até fevereiro.