Lenovo espera lucro somente em 2010 e mira emergentes

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009 09:59 BRST
 

PEQUIM (Reuters) - A Lenovo, quarta maior fabricante de computadores pessoais do mundo, espera começar a ter lucro em 2010. A companhia também pretende se concentrar nos mercados emergentes, incluindo a China, disse à Reuters o presidente-executivo da empresa, Liu Chuanzhi.

"Nós devemos ter lucro em 2010 e a partir daí a situação deve começar a melhorar", disse Liu, sem especificar em que trimestre a companhia deve reverter o rumo.

"Se tivermos lucro, vamos distribuir 35 por cento dos ganhos com os acionistas, usar reservas de capital para emitir dividendos não seria apropriado", disse ele.

O ano novo fiscal da Lenovo termina em março. Liu disse que a companhia provavelmente não emitirá dividendos nos anos fiscais de 2009 e 2010.

A maior fabricante de computadores pessoais da China registrou na última semana o primeiro prejuízo em quase três anos e anunciou um rearranjo de seus principais administradores, em meio à queda na demanda em queda e o aprofundamento da recessão global.

A Lenovo detinha cerca de 7,5 por cento do mercado global de PCs em 2008, quando perdeu o terceiro lugar para a Acer, concorrente do setor mais agressiva, de acordo com a empresa de pesquisas IDC.