ANÁLISE-Alta no tráfego de dados pelo celular pode afetar lucros

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009 15:43 BRT
 

Por Niclas Mika

BARCELONA (Reuters) - Operadoras de celular correm o risco de congestionar suas redes e promover uma explosão de custos se continuarem a oferecer acesso à Internet móvel ilimitada por um preço fixo aos usuários de celular --o que se tornou um padrão no mundo da telefonia fixa.

Operadoras têm sido hábeis em estimular as vendas de dados pelo celular oferecendo pacotes com tarifa fixa, tornando taxas de crescimento iguais ou superiores a 50 por cento algo comum e apresentando altas taxas de adesão mesmo em mercados maduros.

Em alguns mercados mais competitivos, entretanto, as operadoras já vendem banda larga móvel abaixo do custo, sacrificando sua rentabilidade para garantir participação de mercado, disse o consultor de telecomunicações John Strand.

"É uma corrida do ouro", afirmou.

A consultoria Accenture estima que o mercado de Internet pelo celular na Europa Ocidental esteja avaliado em 29 bilhões de euros (36,5 bilhões de dólares) e projeta que cresça 21 por cento ao ano, em média, até 2011. O mercado de voz é avaliado em 120 bilhões de euros, mas está estagnado.

O uso atual dos serviços de dados que levam a custos operacionais mais altos para transportar os dados entre as estações e a central da rede da operadora, deve mais que dobrar a cada ano até 2011, segundo a estimativa.

A indústria está ansiosa por ver a transmissão móvel de dados finalmente deslanchar, anos depois de investir bilhões de euros em licenças para construir redes de terceira geração e oferecer velocidades de conexão mais altas.

Ela tem dado suporte à banda larga móvel com preços atrativos, o que inicialmente não foi um problema.

"O crescimento do uso de dados está absorvendo a capacidade excedente que havia nas redes", disse à Reuters Margaret Rice-Jones, presidente da consultoria Aircom.