Prejuízo trimestral da Nortel mais que dobra, para US$2,14 bi

segunda-feira, 2 de março de 2009 13:54 BRT
 

Por Wojtek Dabrowski

TORONTO (Reuters) - A fabricante de equipamentos de telecomunicações Nortel Networks, que opera sob proteção judicial contra falência, informou nesta segunda-feira que registrou baixas contábeis de mais de 2 bilhões de dólares além de queda acentuada nas vendas.

Esse quadro mais do que dobrou o prejuízo trimestral da companhia.

A demanda pela tecnologia que a Nortel produz continua a enfraquecer uma vez que grandes clientes, companhias de telecomunicações e outras corporações cortam ou adiam investimentos por causa da crise econômica global.

As vendas da Nortel despencaram 15 por cento no quarto trimestre. A companhia entrou com pedido de proteção judicial em janeiro na tentativa de se reestruturar frente à cobrança de credores.

A maior fabricante de equipamentos de telecomunicações da América do Norte divulgou prejuízo de 2,14 bilhões de dólares, ou 4,28 dólares por ação, nos três meses encerrados em 31 de dezembro. No mesmo período do ano anterior, a empresa teve prejuízo de 844 milhões de dólares, ou 1,70 dólar por ação.

A empresa divulgou ainda que a receita caiu de 3,2 bilhões de dólares para 2,72 bilhões de dólares. Analistas esperavam receita de 2,74 bilhões de dólares.

A Nortel informou que o resultado incluiu encargos de 1,24 bilhão de dólares e baixa contábil de 951 milhões de dólares.

Na semana passada, a companhia disse que vai cortar mais 3.200 empregos no mundo.   Continuação...

 
<p>Homem fala ao celular diante de painel da Nortel na GSMA Mobile World Congress em Barcelona. A maior fabricante de equipamentos de telecomunica&ccedil;&otilde;es da Am&eacute;rica do Norte divulgou preju&iacute;zo de 2,14 bilh&otilde;es de d&oacute;lares nos tr&ecirc;s meses encerrados em 31 de dezembro. No mesmo per&iacute;odo do ano anterior, a empresa teve preju&iacute;zo de 844 milh&otilde;es de d&oacute;lares.</p>