McAfee conquistará mercado da Symantec nos PCs, dizem analistas

segunda-feira, 2 de março de 2009 15:55 BRT
 

Por Jim Finkle

BOSTON, Estados Unidos (Reuters) - A número dois entre as produtoras de software de segurança, McAfee, vai conquistar mercado no lucrativo segmento de programas antivírus ao consumidor junto à Symantec, sua rival de maior porte, graças ao apoio dos maiores fabricantes mundiais de computadores.

A McAfee passou mais de um ano melhorando seu relacionamento com os fornecedores de computadores pessoais, convencendo-os a instalar versões de teste de seu software de segurança em seus equipamentos.

Acordos como esses se provaram historicamente como algumas das maneiras mais efetivas de vender software ao consumidor, dizem analistas. Os usuários de computadores pessoais podem testar o software sem pagar primeiro e sem enfrentar problemas de instalação.

"A maioria dos consumidores fica com o programa que vier na máquina. Não são fiéis a uma determinada marca. Sua fidelidade é para com a facilidade de uso", disse Laura DiDio, analista da Information Technology Intelligence.

A McAfee expandiu agressivamente sua distribuição em computadores novos depois que Dave DeWalt assumiu como presidente-executivo, em abril de 2007. Na época, cerca de 25 por cento dos computadores vendidos pelos grandes fabricantes vinham equipados com programas McAfee.

Agora, pouco mais de 50 por cento dos computadores pessoais são vendidos com software antivírus McAfee para avaliação, de acordo com a empresa. Ela tem acordos com nove das 10 maiores fabricantes de computadores pessoais; a Symantec tem acordos semelhantes com sete deles.

Os acordos começaram a se traduzir em vendas ampliadas, dizem analistas. As vendas de software McAfee para os consumidores cresceram em 18 por cento no ano passado, para 636 milhões de dólares.

As da Symantec cresceram em ritmo mais lento, com alta de seis por cento, para 1,8 bilhão de dólares, mas a empresa ainda controla metade do mercado de segurança ao consumidor, que movimenta ao menos 2,6 bilhões de dólares anuais, de acordo com pesquisas da Gartner e da IDC.   Continuação...