Telco recorre de decisão da CVM sobre TIM Part, diz fonte

segunda-feira, 9 de março de 2009 08:26 BRT
 

MILÃO (Reuters) - O grupo Telco, acionista da Telecom Italia, apresentou recurso contra a decisão da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) de forçá-lo a fazer uma oferta pública pelas ações ordinárias da TIM Participações, informou uma fonte.

"A Telco apresentou recurso", afirmou a fonte.

A Telco detém 24,5 por cento da Telecom Italia e a espanhola Telefónica possui 42,3 por cento de participação na Telco.

A Telco, no entender da CVM, teria de fazer uma oferta pelos papéis ordinários da TIM porque a autarquia afirma que houve mudança no controle indireto da operadora celular brasileira.

Mas o grupo não concorda da decisão e já havia informado intenção de recorrer.

A CVM, em fevereiro, tinha dado prazo até esta segunda-feira para a Telco se posicionar sobre sua decisão, diante "da complexidade das questões tratadas no presente caso", informou a TIM Participações na época.