Banco de fomento chinês concede linha de US$15 bi à ZTE

sexta-feira, 20 de março de 2009 18:02 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A fabricante chinesa de equipamentos para redes de telefonia ZTE informou nesta sexta-feira que obteve uma linha de crédito de 15 bilhões de dólares do banco chinês de fomento para estratégia que inclui o financiamento da expansão da companhia no exterior.

A companhia também atua no mercado brasileiro, com produção terceirizada de celulares e de modem para acesso à Internet.

Pelo acordo celebrado entre a fabricante e o banco, ambas as partes trabalharão em conjunto para estabelecer a plataforma de investimento e financiamento, incluindo a expansão a mercados no exterior, segundo comunicado à imprensa.

Com a parceria, a ZTE poderá atender operadoras que enfrentam dificuldades em obter crédito. "A ZTE acredita que o fortalecimento da sua cooperação com o China Development Bank nesta época difícil ajudará a empresa a ampliar as parcerias com operadoras globais de telecomunicações", diz o comunicado.

Na quinta-feira, a ZTE anunciou que teve uma receita de aproximadamente 6,38 bilhões de dólares em 2008, equivalente a um aumento de 27,37 por cento sobre 2007.

Em setembro passado, a companhia, que vendia celulares no Brasil com a marca Aiko exclusivamente para a Vivo, anunciou a decisão de usar a própria marca ZTE em modelos de baixo custo para outras operadoras.

Já os modems de acesso à Internet são vendidos, além de para a Vivo, também para Brasil Telecom, Claro, Oi, TIM e CTBC.

(Reportagem de Taís Fuoco, Edição de Aluísio Alves)