Hitachi fecha unidade de TV de plasma na República Tcheca

sexta-feira, 27 de março de 2009 14:52 BRT
 

PRAGA (Reuters) - A Hitachi, fabricante de eletrônicos do Japão, vai fechar sua unidade produtora de televisões de plasma na República Tcheca devido à queda dos preços e da demanda em um contexto de declínio econômico, informou a unidade tcheca nesta sexta-feira.

A unidade, que emprega 800 funcionários, deve ser fechada até o fim de março, de acordo com comunicado divulgado. Não foram divulgados os dados de produção da fábrica no ano passado, mas o informe divulgou que as encomendas caíram dramaticamente nos últimos seis meses.

A Hitachi iniciou as operações em 2007 com um investimento planejado de 1,73 bilhão de coroas (85,1 milhões de dólares).

O maior grupo de eletrônicos do Japão surpreendeu os investidores em janeiro com o alerta de que pode apresentar prejuízo de 700 bilhões de ienes (7,14 bilhões de dólares) para o ano que se encerra em 31 de março, atingida pela queda das vendas e pelo iene forte.

As perdas seriam as maiores já registradas por uma empresa de manufatura japonesa.

A economia tcheca, assim como outras da Europa Central, cresceu fortemente nos últimos anos, enquanto as companhias estrangeiras, especialmente as dos setores de eletrônicos e veículos, instalavam bases manufatureiras.

Uma queda na demanda a partir da recessão que atingiu a zona do euro, no entanto, golpeou fortemente a região e muitos analistas projetam que a economia tcheca se contraia em 2009, após quatro anos de crescimento entre 3 e 6 por cento.

(Reportagem de Martin Dokoupil)