Sharp sofre prejuízo no 4o tri, mas vê recuperação à frente

segunda-feira, 27 de abril de 2009 11:03 BRT
 

Por Kiyoshi Takenaka e Mariko Katsumura

TÓQUIO/OSAKA, Japão (Reuters) - A Sharp registrou o segundo prejuízo trimestral consecutivo, atingida pela fraca demanda por aparelhos de televisão, pela queda dos preços de seus produtos e por custos de reestruturação.

Apesar do resultado, a companhia japonesa prevê um retorno à lucratividade apesar das expectativas do mercado de outro ano no vermelho.

A Sharp, terceira maior fabricante mundial de televisões com telas de cristal líquido depois da Samsung Electronics e da Sony, está apostando em um aumento gradual nas encomendas a partir de julho, após ter sido abatida pelo declínio acentuado nas vendas de TV tela plana e celulares.

"O ambiente operacional deve permanecer difícil no primeiro trimestre (até 30 de junho). Mas nós implementamos medidas e há sinais de recuperação agora após os ajustes de estoques", disse o presidente da companhia, Mikio Katayama, em uma coletiva de imprensa.

"Nós estamos prevendo que o lucro vai se recuperar gradualmente a partir do segundo trimestre".