Jornal Boston Globe pode anunciar fechamento na 2a-feira

segunda-feira, 4 de maio de 2009 09:24 BRT
 

Por Robert MacMillan

NOVA YORK (Reuters) - As negociações entre o jornal Boston Globe e os seus sindicatos para impedir o fechamento da publicação norte-americana foram suspensas na madrugada desta segunda-feira, depois que um prazo que se encerrava à meia-noite passou sem acordo, e não estava claro quando seriam retomadas.

Uma hora depois do final do prazo, as negociações haviam sido suspensas mas era provável que fossem retomadas durante a madrugada, declarou uma fonte informada sobre o assunto, mas não autorizada a discuti-lo, à Reuters.

Essa fonte e outro informante que conhece bem a situação indicaram que era provável que o processo de negociação continuasse noite afora, e que a informação sobre o que acontecerá com o Boston Globe só surgisse pela manhã nos Estados Unidos.

Pouco antes do raiar do dia, a empresa que controla o jornal, a New York Times Co., aumentou a pressão sobre os sindicatos do Globe, ameaçando fechar o jornal dentro de algumas semanas se eles não aceitaram um acordo que propiciará grandes cortes de custos.

A New York Times Co. disse que notificaria o governo dos EUA sobre o fechamento do jornal na segunda-feira, caso os sindicatos não aceitem acordo que resultaria em reduções de custos da ordem de milhões de dólares.

A empresa impôs um prazo até o final da noite de domingo aos seus quatro sindicatos, para a obtenção de 20 milhões de dólares anuais em redução de custos no jornal. O prazo anteriormente se encerrava na sexta-feira, mas foi prorrogado depois que as negociações avançaram no sábado.

Caso a direção do Globe e os sindicatos não cheguem a acordo, um dos mais conhecidos e maiores jornais dos EUA pode fechar, o que deixaria Boston sem um jornal diário pleno comparável.

O Globe, criado 137 anos atrás, é um dos principais veículos noticiosos para os consumidores da Nova Inglaterra. O jornal é o 17o maior dos Estados Unidos em termos de circulação diária paga, de acordo com o Audit Bureau of Circulations dos EUA. Aos domingos, um dia que muitos norte-americanos dedicam à leitura de jornais, ele ocupa o 13o posto.