Dívida para compra da Brasil Tel derruba lucro da OI

quinta-feira, 14 de maio de 2009 20:11 BRT
 

Por Taís Fuoco

SÃO PAULO (Reuters) - O aumento do endividamento e das despesas financeiras para a compra da Brasil Telecom derrubaram o lucro da Oi, segundo o balanço divulgado nesta quinta-feira, primeiro demonstrativo que inclui os números da companhia adquirida.

A Oi, entretanto, espera alongar o perfil da dívida durante o ano e reduzir a relação dívida líquida/Ebitda até 2011, segundo o diretor de finanças e relações com investidores, Alex Zornig, em teleconferência com a imprensa.

A Oi informou um lucro líquido de 11 milhões de reais no primeiro trimestre do ano, número que equivale a uma queda de 98 por cento, já que os números das duas empresas consolidados mostram um lucro de 564 milhões de reais em igual trimestre do ano passado.

A dívida líquida consolidada atingiu 19,2 bilhões de reais, com o acréscimo de 9,4 bilhões de reais sobre dezembro de 2008, por conta da consolidação da dívida da Brasil Telecom e os desembolsos para a aquisição da companhia.

Zornig esclarece, entretanto, que "só 2 por cento da dívida está exposta", o restante está protegido por operações de hedge.

As despesas financeiras atingiram 630 milhões de reais, ante a cifra de 168 milhões de reais do mesmo trimestre do ano passado.

COMPROMISSOS PARA 2009 RESOLVIDOS

O executivo afirmou que "todos os compromissos para 2009 já estão resolvidos". Por isso, acrescentou, "só vamos começar a pensar em alguma outra captação grande no segundo semestre". Antes disso, explicou, só se abrir uma janela de oportunidade no mercado.   Continuação...