Saraiva entra no mercado de locação e venda de vídeos pela Web

quinta-feira, 14 de maio de 2009 18:30 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Saraiva ingressou no segmento de venda e locação de vídeos pela Internet, depois de já vender livros, CDs, DVDs e jogos no formato eletrônico.

A companhia anunciou nesta quinta-feira a criação da Saraiva Digital, divisão que nasce com 500 títulos entre filmes, documentários e conteúdo infantil que poderão ser baixados no computador do usuário de forma legalizada (com pagamento de direitos autorais). A intenção da empresa, entretanto, é elevar o acervo para 2 mil títulos até o final deste ano.

Com tecnologia Microsoft desenvolvida pela empresa Truetech, o serviço permite a pesquisa de filmes e a exibição de trailers antes da compra.

Depois de efetivada a transação, o consumidor realiza o download do vídeo em sua máquina e, assim, ganha o direito de assisti-lo mesmo quando não estiver conectado à Internet.

Como explicou a Saraiva, em comunicado à imprensa, o cliente que alugar um vídeo tem 30 dias para começar o download. Depois disso, terá até 48 horas para assisti-lo, de acordo com o filme escolhido.

Nos casos de compra do vídeo, é possível assisti-lo em até três computadores sem a necessidade de um novo download e a licença é definitiva, diz a livraria.

Segundo a Microsoft, a iniciativa da Saraiva é inédita em toda a América Latina.

Os preços para aluguel dos vídeos custam de 3,90 a 6,90 reais, enquanto os filmes são vendidos a partir de 9,90 reais, de acordo com a Saraiva. Séries e documentários custam a partir de 3,60 reais por episódio.