Caça ao tesouro vira brincadeira digital na Veneza WiFi

sexta-feira, 3 de julho de 2009 14:11 BRT
 

Por Roberto Bonzio

MILÃO (Reuters) - A brincadeira de caça ao tesouro se tornará um passatempo completamente digital na noite de sexta-feira, com participantes em busca de uma misteriosa varinha oriental dotada de poderes especiais, pelas estreitas pontes e ruas de Veneza.

Descobrindo cantos escondidos e distantes das multidões de turistas, os participantes receberão indicações de percurso e senhas por meio de seus celulares e laptops, para celebrar o salto da venerável Veneza em direção ao futuro --a cobertura completa da cidade por uma rede de computação sem fio.

"Dez mil quilômetros de fibras ópticas, muitos hot spots cobrindo todas as bibliotecas públicas... Muitas cidades europeias têm serviços WiFi, mas nenhuma oferece cobertura dessa amplitude", disse o vice-prefeito de Veneza, Michele Vianello, que supervisionou o projeto.

Sob o plano, que oferece acesso em banda larga WiFi gratuito aos moradores, estudantes e empresas instalados na cidade da laguna, turistas e visitantes pagarão cinco euros ao dia pelo serviço.

O Legislativo municipal de Veneza financiou o projeto com uma verba de 10 milhões de euros, e está em busca de capital privado para desenvolvê-lo, disse Vianello.

A conexão WiFi rápida, com velocidade de entre 20 e 100 megabytes, permitirá o desenvolvimento do comércio eletrônico e TV a cabo, o que permitirá remover as feias antenas instaladas na cidade velha. E também deve oferecer vantagem competitiva às empresas locais, de acordo com Vianello.

"E nós poderemos colocar na Web parte da preciosa herança cultural veneziana... Estamos começando a contar a história de outra Veneza", afirmou.

A caça ao tesouro digital via WiFi, que leva o nome de "Whaiwhai", foi concebida para lançar o serviço e se baseia em uma trama criada pelo escritor Alberto Toso Fei.

A LOG607, empresa fundada por Tomas Barazza e Fabio Salvadori, desenvolveu o "Whaiwhai" (www.whaiwhai.com/), jogo premiado na Itália por inovar o turismo.

Versões em inglês e italiano do jogo estão disponíveis para jogar em Roma, Florença e Verona, e a LOG607 planeja exportá-lo a Londres, Paris, Pequim, Tóquio, Nova York e San Francisco.