Google mira contra Microsoft com sistema operacional para PCs

quarta-feira, 8 de julho de 2009 11:21 BRT
 

Por Alexei Oreskovic e Edwin Chan

SUN VALLEY, Estados Unidos (Reuters) - O Google está planejando um ataque direto contra o principal negócio da Microsoft e vai enfrentar diretamente Windows, que domina o mercado mundial de computadores pessoais para a gigante do software.

O Google, que já oferece um pacote de programas de email, navegação e outros softwares que concorrem com a Microsoft, lançará um sistema operacional voltado inicialmente a netbooks.

O novo sistema, chamado Google Chrome Operation System, estará disponível para usuários de netbooks a partir do segundo semestre de 2010, anunciou o Google em seu blog, acrescentando que a empresa está trabalhando com múltiplos produtores.

Netbooks são laptops de baixo custo otimizados para navegação na Internet e outras aplicações da Web.

"Vem sendo parte da cultura deles tentar remover a Microsoft de sua posição de controle do mercado de tecnologia", disse Rob Enderle, principal analista do Enderle Group. "Isso pode causar sérias perturbações. Caso obtenham sucesso, a Microsoft estaria vulnerável diante de um ataque como esse, e com certeza ela sabe disso."

Google e Microsoft se enfrentaram em diversos mercados, ao longo dos anos, das buscas na Internet a software para celulares. Resta determinar se o Google conseguirá roubar mercado da Microsoft no território que ela domina, já que no momento o Windows equipa mais de 90 por cento dos PCs do mundo.

O anúncio surge em um momento no qual os executivos das maiores empresas de tecnologia e mídia do mundo, entre as quais Google e Microsoft, estão reunidos em Sun Valley, Idaho, para uma conferência anual organizada pelo banco de investimento Allen & Co. Um porta-voz da Microsoft não comentou o assunto.

Uma chave para o sucesso do Google será a capacidade da empresa em formar parcerias com fabricantes de computadores, como a Hewlett-Packard e a Dell, que atualmente oferecem o Windows na maioria de suas linhas de produtos.

A HP, maior marca mundial de computadores pessoais, se recusou a confirmar se venderá máquinas com o sistema operacional do Google.

"Estamos estudando", disse Marlene Somsak, porta-voz da HP, sobre o sistema operacional.

 
<p>O Google est&aacute; planejando um ataque direto contra o principal neg&oacute;cio da Microsoft e vai enfrentar diretamente Windows, que domina o mercado mundial de computadores pessoais para a gigante do software.</p>