Dell espera pequena queda na margem bruta no 2o trimestre

segunda-feira, 13 de julho de 2009 18:18 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A Dell espera anunciar uma leve alta em sua receita para o segundo trimestre fiscal, que termina em 31 de julho, mas também prevê uma pequena queda na margem bruta, em parte devido ao aumento nos preços de componentes e a um mix desvantajoso de produtos.

A notícia, divulgada um dia antes de encontro da Dell com analistas, levou as ações da segunda maior fabricante de PCs do mundo a caírem 3 por cento no pregão after-market em Wall Street.

A Dell busca, no longo prazo, registrar uma taxa de crescimento anual das vendas de 5 a 7 por cento, com lucro operacional representando 7 por cento ou mais da receita, e um fluxo de caixa das operações que superem o lucro líquido, afirmou a empresa em comunicado nesta segunda-feira.

"Continuamos acreditando que nossos clientes estão adiando suas compras de tecnologia da informação, e que veremos um retorno da demanda para níveis mais típicos em algum momento", disse o vice-presidente financeiro da Dell, Brian Gladden, no comunicado.

Embora a demanda por produtos e serviços da Dell pareça ter se estabilizado, ela variou consideravelmente em termos de setor e de geografia, segundo a empresa.

(Reportagem de Tiffany Wu)