Simulação de missão para Marte chega ao fim em Moscou

terça-feira, 14 de julho de 2009 16:50 BRT
 

Por Conor Sweeney

MOSCOU (Reuters) - Quatro russos, um francês e um alemão concluíram na terça-feira a simulação de uma viagem espacial de 105 dias em Moscou, desenvolvida para verificar a resposta do grupo no isolamento que enfrentaria numa missão tripulada a Marte.

Ao deixarem os compartimentos isolados de um complexo científico de Moscou, os tripulantes colocaram fim ao teste no momento em que as agências espaciais intensificam os preparativos para uma experiência de isolamento mais longa, de 520 dias, prevista para começar no ano que vem.

Os seis homens foram monitorados constantemente enquanto passavam por testes físicos em um espaço apertado projetado para entender melhor como os humanos suportariam uma missão até Marte, que duraria ao menos 500 dias.

Todos sorriram, acenaram e se abraçaram ao ver a primeira luz do Sol desde 31 de março, sem indicações de qualquer animosidade pessoal durante o período de quarentena.

"O nível de entendimento e de motivação da tripulação foi perfeito do meu ponto de vista como comandante", disse o cientista e cosmonauta russo Sergei Ryazansky em uma entrevista coletiva no Instituto de Problemas Biológicos e Médicos de Moscou.

A Roskosmos e a Agência Espacial Europeia testaram os níveis de estresse da tripulação isolada, incluindo a adoção de um atraso de 20 minutos no contato com a equipe de controle, tentando simular as grandes distâncias que os sinais de rádio atravessariam para chegar à aeronave.

Autoridades afirmaram que analisariam os resultados para aperfeiçoar o processo de seleção de participantes do próximo teste de 520 dias e a rotina que precisam enfrentar.

Ryazansky disse que quando começou o delay do tempo, a sua tripulação, que vestia uniformes como os dos astronautas, comportava-se de forma independente.   Continuação...

 
<p>Volunt&aacute;rios posam para fotos ap&oacute;s simula&ccedil;&atilde;o de miss&atilde;o para Marte. REUTERS/Alexander Natruskin</p>