Microsoft deverá pagar mais de US$290 mi por infringir patente

quarta-feira, 12 de agosto de 2009 11:35 BRT
 

BANGALORE (Reuters) - Um tribunal federal dos Estados Unidos determinou que a Microsoft terá que pagar mais de 290 milhões de dólares em indenização à companhia de software canadense i4i por infringir uma patente.

A i4i, fabricante de software para manipulação de documentos, reclamou em um processo de 2007 que a Microsoft infringiu intencionalmente uma de suas patentes no aplicativo de processamento de texto e no sistema operacional Vista.

A decisão final da corte norte-americana do Distrito do Texas foi feita após a divulgação em 20 de maio de uma sentença do júri a favor da i4i.

A sentença também proíbe permanentemente a Microsoft de vender quaisquer produtos que possam abrir documentos com as extensões ".XML", ".DOCX" ou ".DOCM".

A Microsoft informou que planeja recorrer da decisão.

"Acreditamos claramente que as evidências demonstraram que não houve infração da nossa parte e que a patente da i4i é inválida", disse o porta-voz da Microsoft Kevin Kutz.

(Reportagem de Deepti Govind)