ZTE tem lucro 42% maior impulsionada por investimentos em 3G

quarta-feira, 19 de agosto de 2009 09:48 BRT
 

Por Kirby Chien

PEQUIM, 19 de agosto (Reuters) - A ZTE, segunda maior fabricante de equipamento de telecomunicações da China, registrou alta de 41,9 por cento no lucro líquido do segundo trimestre, impulsionado por grandes investimentos em redes móveis de terceira geração (3G) por parte de operadoras do país.

Pequim estabeleceu como meta gastos de 58,5 bilhões de dólares para construção de redes 3G até 2011, após entregar as tão adiadas licenças no começo deste ano.

Contudo, refletindo a forte competitividade no mercado global de equipamentos de telecomunicações, a ZTE informou que sua margem de lucro bruto para redes de operadoras caiu para 32,2 por cento, ante 35,4 por cento.

"A competitividade continuou intensa no mercado global de telecomunicações durante a primeira metade de 2009", disse a companhia em um comunicado à bolsa de Hong Kong.

Embora a projeção do mercado global permaneça desanimadora, a construção das redes de terceira geração na China mais que minimizou as dificuldades enfrentadas pela ZTE.

"Os resultados são fortes, sustentados pela construçap das redes 3G na China", disse Joseph Ho of Daiwa Research. "A economia global deve começar a contribuir com os resultados a partir de 2010", acrescentou.

O lucro da ZTE no segundo trimestre subiu para 704,7 milhões de iuans (103,2 milhões de dólares) --com base em cálculos da Reuters, abaixo dos 733 milhões de iuans previstos pela Reuters Estimates, mas facilmente superando os 496,5 milhões registrados no mesmo período um ano antes.

A companhia informou que o lucro líquido de abril e junho somou 783,37 milhões de iuans.

Os resultados do segundo trimestre surgem após a ZTE ter obtido alta de 29 por cento no lucro do primeiro trimestre, para 78,7 milhões de iuans.