Nasa libera ônibus espacial Discovery para voar na quinta

quarta-feira, 19 de agosto de 2009 21:54 BRT
 

Por Irene Klotz

CABO CANAVERAL, Estados Unidos (Reuters) - Engenheiros da Nasa (agência espacial dos EUA) liberaram o ônibus espacial Discovery para lançamento na quinta-feira após um prolongado debate sobre a segurança do tanque de combustível para o voo, anunciaram autoridades nesta quarta-feira.

A decisão acabou sendo unânime, com lançamento previsto para a 1h36 (2h36 em Brasília), na quinta. O Discovery deverá ficar 13 dias em órbita em uma missão para entregar mantimentos e peças de reposição na Estação Espacial Internacional, um projeto de 100 bilhões de dólares que envolve 16 países e agora está perto de ser concluído após mais de dez anos de construção.

"Não foi uma discussão contenciosa", disse Bill Gerstenmaier, administrador adjunto da Nasa para voos espaciais. "Deixamos todos exporem suas opiniões. Ninguém quis apelar da decisão, mas houve sim algumas opiniões divergentes".

O risco de queda da espuma que cobre o tanque externo de combustível da nave durante o lançamento é um tema recorrente desde o acidente da Columbia, em 2003.

Na ocasião, um pedaço de espuma isolante que se desprendeu do tanque externo durante o lançamento e abriu um buraco em sua proteção térmica. O Columbia se desintegrou quando entrava na atmosfera, após uma missão de 16 dias, mantando todos os sete astronautas a bordo.

Muitas mudanças foram feitas para aprimorar a proteção térmica dos ônibus espaciais, mas as preocupações persistem. No mês passado, alguns pedaços se desprenderam do tanque externo do ônibus espacial Endeavour logo após o lançamento. Como os taques não são recuperados, a Nasa não pôde determinar o que causou o problema.

Engenheiros suspeitam de um problema de reação do adesivo usado para colar o isolante com o metal do tanque.