Base de internautas do Brasil cresce 10% em julho

quinta-feira, 20 de agosto de 2009 12:15 BRT
 

SÃO PAULO, 20 de agosto (Reuters) - O número de internautas brasileiros que navegaram pela Internet em casa ou no trabalho em julho cresceu 10 por cento frente ao mês anterior, para 36,4 milhões, informou nesta terça-feira a empresa de pesquisa Ibope Nielsen Online.

Segundo a empresa, há no Brasil 44,5 milhões de usuários com acesso à Web em pelo menos um desses ambientes.

Dentre 10 países pesquisados, o Brasil novamente ocupou primeiro lugar em tempo online por pessoa, com 71 horas e 30 minutos.

Se for considerado o tempo consumido pelos usuários apenas em sites foram 48 horas e 26 minutos contra 44 horas e 59 minutos em junho.

Os Estados Unidos ficaram na segunda posição, com 67 horas e 33 minutos em tempo online total e 42 horas e 19 minutos de navegação.

"Sites de redes sociais, de comunicação e de entretenimento foram os que mais contribuíram para o crescimento do tempo médio de uso do internauta brasileiro no mês de julho", afirma em comunicado José Calazans, analista de mídia do Ibope Nielsen Online.

Segundo a companhia de pesquisa, 40,2 milhões de internautas possuem computador com Internet em casa no Brasil, mas somente 27,5 milhões utilizaram o recurso em julho, alta de 8 por cento em relação aos 23,7 milhões em igual período de 2008.

O tempo de navegação nas residências saltou 21 por cento na comparação anual, alcançando a marca inédita 30 horas e 13 minutos por pessoa.

A empresa estima que existam 64,8 milhões de brasileiros, com 16 anos ou mais, com algum tipo de acesso à Internet, seja no trabalho, em casa, escolas, bibliotecas ou lan houses.

Às 12h09, as ações do portal e provedor de acesso à Web UOL recuavam 0,64 por cento, enquanto o Ibovespa mostrava valorização de 0,85 por cento.

(Por Gabriela Mello)