Nokia vai entrar no mercado de PCs com netbook Windows

segunda-feira, 24 de agosto de 2009 10:28 BRT
 

Por Tarmo Virki

HELSINQUE, 24 de agosto (Reuters) - A Nokia, maior fabricante de celulares do mundo, informou nesta segunda-feira que começará a fabricar laptops, adentrando em um mercado ferozmente competitivo, mas em rápido crescimento.

A companhia tem visto suas margens de lucro caírem nos últimos trimestres, conforme a demanda por celulares desabou, e analistas se preocupam que a entrada no mercado de computadores, onde os ganhos são tradicionalmente fracos, possa prejudicar ainda mais a Nokia.

"Temos plena consciência do que tem sido o nível da margem de lucro no mundo dos computadores. Entramos nisso com os olhos bem abertos", disse Kai Oistamo, diretor da principal unidade de celulares da Nokia, à Reuters.

O primeiro netbook da companhia, o Nokia Booklet 3G, será equipado com Windows e processador Atom, da Intel. A fabricante diz que a bateria terá duração de até 12 horas e a máquina pesará 1,25 quilo.

Netbooks são notebooks de baixo custo otimizados para navegar na Internet e executar outros aplicativos básicos. Lançado com esse nome pela Asutek em 2007, outras marcas como HP e Dell também desenvolveram suas próprias linhas desde então.

A empresa de pesquisa IDC prevê que as exportações de netbooks neste ano cresçam mais de 127 por cento em relação a 2008, para mais de 26 milhões de unidades, superando o desempenho do mercado de computadores em geral, que deve permanecer estável.

"A Nokia espera que sua marca e conhecimento dos circuitos de celulares contribuirão com sua força, enquanto se dirige a este segmento abarrotado e implacável", disse Ben Wood, diretor de pesquisa da CCS Insight.

"No momento, nós vemos a incursão da Nokia no mercado de netbooks como um exercício de nicho no contexto dos seus amplos negócios."

A companhia informou que revelará especificações detalhadas, disponibilidade de mercado e os preços do aparelho em 2 de setembro.

Uma fonte próxima à Nokia afirmou que o netbook usará o novo sistema operacional Windows 7. Contudo, a Microsoft informou que uma versão mais simples do software será introduzida nos netbooks junto com o lançamento geral em 22 de outubro.

 
<p>Primeiro modelo de netbook da Nokia, Booklet 3G. O aparelho ser&aacute; equipado com Windows e processador Atom, da Intel. A fabricante diz que a bateria ter&aacute; dura&ccedil;&atilde;o de at&eacute; 12 horas e a m&aacute;quina pesar&aacute; 1,25 quilo.</p>