Google reformula DoubleClick para ampliar negócio de publicidade

sexta-feira, 18 de setembro de 2009 12:54 BRT
 

Por Alexei Oreskovic

SAN FRANCISCO (Reuters) - O Google anunciou uma grande reforma no mercado de publicidade DoubleClick, que adquiriu no ano passado, como um passo importante no plano do gigante das buscas na Internet para estender seus negócios de publicidade a anúncios convencionais, não vinculados a buscas.

O Google adquiriu o DoubleClick por mais de 3 bilhões de dólares, em março de 2008, na esperança de suplementar com anúncios visuais convencionais seu lucrativo negócio de publicidade em formato texto vinculada a resultados de busca. Os anúncios mais tradicionais são usados em campanhas publicitárias de marca, e esse mercado está sob o controle de rivais como o Yahoo e a divisão America Online da Time Warner.

Os mercados de publicidade desempenham papel cada vez mais importante no setor de publicidade online, porque representam um espaço no qual os distribuidores de conteúdo podem oferecer o espaço publicitário não vendido em seus sites, pela maior oferta dos anunciantes interessados.

A publicidade online vem se tornando mais fragmentada, à medida que usuários passam a dedicar mais tempo a redes sociais e blogs, em lugar de recorrerem a portais e outros sites mais estabelecidos.

Com o anúncio de quinta-feira, o Google combinará pela primeira vez o mercado DoubleClick com o seu sistema e tecnologia de publicidade.

"Queremos tornar a publicidade em formato convencional na Web tão acessível e aberta quanto possível, como é o caso hoje com a publicidade vinculada a buscas," disse Neil Mohan, vice-presidente de gestão de produtos do Google, em entrevista à Reuters.

Mohan afirmou que a nova versão do mercado DoubleClick oferece recursos que permitem que os anunciantes de marca direcionem mais precisamente a quais audiências seus anúncios serão exibidos, e que monitorem os resultados de forma mais detalhada.

E o Google está combinando o mercado DoubleClick aos seus sistemas de leilão de publicidade --AdWord e AdSense--, o que vai expandir significativamente o número de anunciantes e de distribuidores de conteúdo na Web que usam o mercado.