eBay é condenado por falsificação de perfumes da Louis Vuitton

sexta-feira, 18 de setembro de 2009 15:43 BRT
 

PARIS (Reuters) - O Tribunal de Primeira Instância de Paris condenou o eBay nesta sexta-feira por falsificação de marcas de perfume do grupo LVMH Moët Hennessy-Louis Vuitton, anunciaram as duas empresas, que afirmam estar satisfeitas com a decisão.

"A LVMH toma nota com satisfação da decisão do Tribunal de Primeira Instância de Paris ... que condenou o eBay por falsificação de marca, e assim faz justiça às demandas formalizadas por Parfums Christian Dior, Kenzo, Givenchy e Guerlain", afirmou o grupo do setor de luxo em comunicado.

A casa de leilões online declarou, na mesma linha, por sua parte que: "Estamos satisfeitos de ver que o Tribunal de Primeira Instância de Paris reconheceu os argumentos do eBay e indeferiu o pedido da Parfums Christian Dior por 4 milhões de euros em indenização, concedendo-os apenas 60 mil euros".

A LVMH afirmou, por sua parte, que o eBay foi condenado a lhe pagar 80 mil euros em reparações pelo prejuízo causado.

(Reportagem de Raoul Sachs)