Ação da Palm sobe por cobertura de posições e rumor sobre Nokia

terça-feira, 22 de setembro de 2009 18:52 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - As ações da Palm dispararam nesta terça-feira, atingindo seu nível mais salto em quase dois anos, motivadas pela compra de papéis para cobrir posições de investidores a descoberto e por renovadas especulações de que a fabricante de smartphones possa ser alvo de uma possível aquisição.

As ações da Palm encerraram o pregão na Nasdaq a 17,07 dólares, com valorização de 7,02 por cento, ajudadas por rumores no mercado de que sua concorrente maior, a finlandesa Nokia, estaria interessada na empresa.

Representantes de ambas as companhias se recusaram a comentar o assunto.

Os boatos sobre uma fusão, junto com expectativas de uma oferta secundária de ações bem-sucedida, podem ter sido o estopim para que vendedores a descoberto cobrissem suas posições, levando as ações a subirem, segundo analistas.

"Isso pode muito bem fazer sentido", disse o analista Shaw Wu, da Kaufman Brothers, sobre a possibilidade de aquisição da Palm pela Nokia.

"Outra coisa que está impulsionando as ações da Palm é o fator 'a descoberto'. Provavelmente, é um pouco dos dois", acrescentou.

Em 30 de junho, eram cerca de 47,2 milhões de ações da Palm vendidas a descoberto, cerca de 30 por cento do total de papéis da companhia em circulação no mercado.

A Palm tem um nível alto de investidores a descoberto, que apostam na queda do preço das ações, mas tentam se proteger ao ver sinais de que as ações não irão cair, mas subir.

Há anos se especula que a Palm, pioneira do setor de computadores portáteis e celulares inteligentes, seja alvo de uma possível aquisição.   Continuação...