Microsoft nega que tenha planos de comprar Electronic Arts

quinta-feira, 24 de setembro de 2009 09:19 BRT
 

CHIBA, Japão (Reuters) - A Microsoft não tem planos de comprar a Electronic Arts (EA), disse um executivo da gigante de software, rebatendo rumores sem fundamento que motivaram alta das ações da fabricante de games em Nova York no pregão de quarta-feira.

"Nós não temos planos de adquirir a EA", disse o vice-presidente corporativo da Microsoft Game Studios, Phil Spencer, em entrevista à Reuters nesta quinta-feira.

"Eles continuam sendo um parceiro muito importante para nós, mas sem aquisições", acrescentou.

Spencer recusou-se a comentar se houve conversas com a Electronic Arts para uma possível compra da empresa pela Microsoft.

No ano passado, a Electronic Arts --produtora de populares games como o de futebol americano "Madden"-- tentou sem sucesso comprar o controle da rival Take Two Interactive Software.

A Electronic Arts, com sede em Redwood City, na Califórnia, tem valor de mercado de cerca de 6,5 bilhões de dólares e com frequência é citada por operadores como alvo de aquisição pela Walt Disney e Time Warner.

(Reportagem de Colin Parrott e Nathan Layne)