Panasonic vai usar baterias de computador para acionar carro

quinta-feira, 1 de outubro de 2009 10:56 BRT
 

TÓQUIO (Reuters) - A Panasonic, do Japão, anunciou nesta quinta-feira ter desenvolvido uma tecnologia que combina células de bateria de lítio-íon padronizadas, usadas em laptops, a fim de acionar veículos elétricos, com o objetivo de atender à crescente demanda por carros ecológicos.

A nova tecnologia provavelmente permitirá que a Panasonic produza baterias para carros elétricos pela metade do custo de baterias de lítio-íon desenvolvidas exclusivamente para veículos elétricos, porque poderá utilizar fábricas de baterias existentes e o conhecimento de produção que já desenvolveu, afirma a companhia.

O i-MiEV, da Mitsubishi, o primeiro carro elétrico produzido em massa no mundo, está sendo vendido a 4,6 milhões de ienes (51 mil dólares), desconsiderados os subsídios do governo, em larga medida devido ao alto custo das baterias de lítio-íon.

A Panasonic, que disputa com a Sony a posição de maior fabricante mundial de bens eletrônicos de consumo, anunciou que planeja comercializar as baterias dentro de quatro anos, mas acrescentou que era cedo demais para falar sobre metas de vendas. As baterias recém-desenvolvidas também podem ser usadas em casa para armazenar energia gerada por painéis solares e células combustíveis.

(Por Kiyoshi Takenaka)