Vivo espera ter 12 mil km de novas redes compartilhadas até 2012

quinta-feira, 15 de outubro de 2009 11:02 BRT
 

SÃO PAULO, 15 de outubro (Reuters) - A Vivo espera ter um total de 12 mil quilômetros de novas redes ópticas compartilhadas com outras operadoras até 2012, afirmou nesta quinta-feira o presidente da empresa, Roberto Lima.

Sem revelar o volume de investimentos, Lima disse que o primeiro trecho ligando a região Sul do país a São Paulo, de 4.500 quilômetros, já está pronto.

Trata-se de uma parceria com a operadora móvel Claro e a de longa distância Embratel, ambas controladas por empresas do magnata mexicano Carlos Slim.

Pelo modelo, explicou Lima, cada parceiro ficou responsável pela construção de 1.500 quilômetros de rede e sua administração. As partes, então, foram interligadas para compartilhamento, gerando economias para as companhias.

Lima não informou quais serão os parceiros da Vivo nos outros dois trechos, um de 4.500 e outro de 3.000 quilômetros.

O executivo disse que as ampliações das redes de fibra óptica de transmissão são necessárias por causa da crescente demanda por serviços de telefonia móvel 3G.

(Reportagem de Cesar Bianconi)