Fabricantes de computadores de Taiwan estão otimistas com 2010

sexta-feira, 30 de outubro de 2009 10:02 BRST
 

Por Kelvin Soh e Roger Tung

TAIPEI, 30 de outubro (Reuters) - A Acer e a Quanta, duas gigantes dos computadores taiuaneses, divulgaram na sexta-feira projeções otimistas para o setor, o que enfatiza a recuperação na demanda de consumo e é um bom augúrio para rivais como a HP e a Dell.

Os resultados da Acer e da Quanta se seguem a lucros melhores que o esperado para empresas de referência no setor tecnológico, como a Microsoft, Intel e IBM, o que desperta esperanças de fortes vendas na temporada natalina de compras e no ano que vem.

"Fica claro, agora, que a demanda voltou," disse Gianfranco Lanci, presidente-executivo da Acer, em uma conferência com investidores. "Estamos começando a ver atividade de substituição cada vez mais forte, mesmo no setor empresarial."

A Acer é a segunda maior fabricante mundial de computadores pessoais, atrás da HP, e a Quanta é a maior fabricante terceirizada de computadores pessoais, produzindo computadores para empresas como Dell, Lenovo e Toshiba.

Ambas ofereceram projeções otimistas para 2010, com a Quanta anunciando que esperava que as vendas subissem cerca de 40 por cento em termos de volume e a Acer informando que antecipava alta semelhante nos embarques de netbooks no ano que vem.

"Os netbooks continuarão a liderar o crescimento entre os computadores portáteis, mesmo que ele se desacelere com relação a este ano," disse Lanci.

A Acer lidera o mercado no segmento de netbooks, laptops de tamanho reduzido e de baixo custo lançados inicialmente pela rival, taiuanesa Asustek, em 2007, e otimizados para navegação na Web e outras atividades de Internet.

A Acer também disse que via o sistema operacional Android, do Google, e seu navegador Chrome como alternativas viáveis ao sistema operacional da Microsoft, para aplicativos de Web. Foi a primeira grande fabricante de computadores a adotar essa posição.

A Acer reportou lucro líquido de 3,47 bilhões de dólares de Taiwan no terceiro trimestre, confirmando as expectativas do mercado, e a Quanta superou as projeções e registrou lucro líquido de 6,1 bilhões de dólares de Taiwan no período.