Yahoo quer triplicar margens nos próximos três anos

terça-feira, 10 de novembro de 2009 14:32 BRST
 

CINGAPURA (Reuters) - O Yahoo está comprometido em obter uma margem operacional entre 15 e 20 por cento nos próximos três anos ante nível atual de 6 por cento, afirmou a presidente-executiva da companhia, Carol Bartz, nesta terça-feira.

Bartz descreveu a margem atual de 6 por cento da empresa como "terrível, terrível".

O Yahoo vai focar crescimento em mercados do sudeste da Ásia, como Indonésia e Vietnã, afirmou a executiva em evento da Câmara Americana de Comércio de Cingapura.

A Microsoft informou em 5 de novembro que sua parceria em buscas online com o Yahoo não será limitada aos Estados Unidos, mas que será ampliada para ao redor do mundo assim que receber aprovação de autoridades de defesa da concorrência.

No início deste ano, Microsoft e Yahoo assinaram parceria de 10 anos em buscas para desafiar o domínio do Google, operação que autoridades nos Estados Unidos e na Europa estão avaliando.

(Por Harry Suhartono e Kevin Lim)