Segunda rede britânica para de vender modelo da Sony Ericsson

terça-feira, 24 de novembro de 2009 13:45 BRST
 

LONDRES (Reuters) - A rede de varejo britânica Phones 4U acompanhou decisão da rival Carphone Warehouse e parou de vender um importante modelo de celular da Sony Ericsson, em mais um revés para a fabricante.

Uma porta-voz da rede informou nesta terça-feira que a empresa decidiu retirar o celular Satio das prateleiras depois que alguns clientes sofreram problemas com o software do aparelho. Ela não quis dar mais detalhes.

A Carphone Warehouse, maior rede varejista independente de celulares da Europa, informou na segunda-feira que temporariamente parou de vender o produto, que é equipado com câmera de 12,1 megapixels.

A decisão da Phones 4U representa um problema para o recém indicado presidente-executivo da Sony Ericsson, Bert Nordberg, que tem como meta fazer a quarta maior fabricante de celulares do mundo voltar ao lucro no ano que vem. Entre as estratégias estão variedade de novos produtos voltados para o segmento de smartphones, de margens de lucro maiores, e grandes cortes de custos.

Representantes da Sony Ericsson não estavam disponíveis para comentar o assunto, mas a unidade britânica de vendas e marketing havia informado na segunda-feira que um pequeno número de consumidores teve problemas com o software do Satio quando tentaram utilizar certos aplicativos.

A empresa informou no comunicado que estava trabalhando para resolver o problema.

 
<p>Modelo exibe celular Satio, da Sony Ericsson, em Cingapura, em junho.</p>