Microsoft participará de audiência da UE sobre Oracle e Sun

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009 11:16 BRST
 

BRUXELAS, 8 de dezembro (Reuters) - A Microsoft e a SAP vão comparecer à audiência da União Europeia sobre os planos da Oracle de comprar a Sun Microsystems, o que poderia ajudar os reguladores da UE a decidir se permitem ou bloqueiam o negócio, disseram duas pessoas próximas do assunto.

A audiência fechada com duração de dois dias começa na quinta-feira e vai permitir que Oracle, Sun, seus competidores e as partes interessadas argumentem na frente de autoridades da Comissão Europeia e a reguladores nacionais antitruste.

A Comissão Europeia se posicionou contra a aquisição de 7 bilhões de dólares, dizendo que a combinação do sistema de banco de dados MySQL da Sun com os produtos da Oracle podem reduzir a competição no mercado de gerenciamento de dados.

"A Comissão tem Microsoft, SAP, Monti Widenius e nenhum consumidor. A Oracle terá oito consumidores apoiando a sua posição na audiência", disse à Reuters uma das pessoas envolvidas na audiência.

Widenius, criador do MySQL que deixou a Sun mais cedo neste ano, disse à Reuters em entrevista no mês passado que ele está preocupado que a sua criação possa ser morta.

O presidente da Oracle, Safra Catz, e um representante do Departamento de Justiça dos EUA que aprovou a aquisição em agosto, também vão comparecer à audiência, disse outra fonte à Reuters.

A Comissão estabeleceu o prazo até 27 de janeiro para tomar uma decisão sobre a compra. A Oracle tem até 14 de dezembro para submeter soluções que correspondam às preocupações das autoridades da União Europeia sobre o impacto competitivo do negócio. Ela disse que o MySQL vai melhorar sua competitividade com a Microsoft.

O banco de dados MySQL é utilizado por sites populares operados por companhias como Google, Facebook e Amazon. Seu principal rival é o SQL Server, da Microsoft.