Canon traça metas de crescimento a partir de 2010

terça-feira, 22 de dezembro de 2009 18:55 BRST
 

TÓQUIO (Reuters) - A japonesa Canon, que deve registrar queda no lucro pelo segundo ano consecutivo, conseguiu construir uma boa base para voltar ao crescimento e espera ter um lucro maior em 2010, afirmou o presidente-executivo da fabricante de equipamentos de escritório.

"O nosso fortalecimento corporativo a partir do ano que vem tem sido nossa meta neste ano, e estamos dentro do cronograma para atingir essa meta", disse o presidente da Canon, Tsuneji Uchida, à Reuters em entrevista nesta terça-feira.

Desde a crise econômica global do ano passado, empresas de todo o mundo têm feito cortes de custos reduzindo a compra de impressoras e copiadoras, além de reduzir impressões, o que afetou a lucratividade da Canon e de outras fabricantes de equipamentos de escritório.

Além disso, a compra da grande distribuidora de equipamentos norte-americana Ikon Office Solutions por sua concorrente, Ricoh, por 1,6 bilhão de dólares no ano passado também foi um baque para a Canon. Antes do acordo, 60 por cento dos produtos distribuídos pela Ikon eram da Canon.

Em resposta, no mês passado, a Canon anunciou planos para comprar a fabricante de impressoras e copiadoras holandesa Oce por 730 milhões de euros. Em setembro, a empresa afirmou que iria começar a fornecer suas impressoras multifuncionais à HP.

(Por Kiyoshi Takenaka e Reiji Murai)