Presidente da Vivendi comandará conselho da GVT

terça-feira, 29 de dezembro de 2009 17:01 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A GVT nomeou para a presidência de seu conselho de administração o presidente da Vivendi, controladora da operadora, Jean-Bernard Lévy. A companhia informou ainda que vai investir até 850 milhões de reais para ampliar operações para mais cidades do país.

O presidente-executivo da GVT, Amos Genish, segue ocupando a vice-presidência do conselho. A Vivendi, que detém controle sobre quatro dos seis lugares do conselho, possui mais de 80 por cento da operadora.

No ano que vem, a GVT planeja lançar serviços em cinco cidades do Sudeste e Nordeste do país. A expansão poderá ser acelerada nas cinco áreas metropolitanas, afirma a empresa em comunicado.

A cobertura da GVT atinge 79 cidades das regiões Centro-Oeste, Sul e Norte. A empresa também tem permissão para operar chamadas locais e de longa distância no Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte.

(Por Guillermo Parra-Bernal)