Nokia deve vender mais de 500 milhões de celulares em 2010

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010 10:27 BRST
 

HELSINQUE, 4 de janeiro (Reuters) - A Nokia venderá mais de 500 milhões de celulares este ano, acima das expectativas do mercado, afirmou um executivo da empresa ao indiano Economic Times, em entrevista.

"Em 2010, a Nokia distribuirá mais de 500 milhões de unidades pelas três plataformas, o que corresponderá a cerca de 40 por cento do mercado mundial", afirmou o chefe da unidade de telefonia móvel da Nokia, Rick Simonson, em entrevista.

Em uma pesquisa da Reuters realizada em novembro, os analistas esperam em média que a Nokia venda 458 milhões de telefones em 2010 e 424 milhões em 2009.

Um porta-voz disse que o comentário de Simonson não é uma previsão nova. "Nossa última previsão foi dada em 2 de dezembro", disse ele.

Em 2 de dezembro a empresa previu um crescimento de 10 por cento no volume do mercado de celulares em 2010, enquanto sua fatia de mercado deva continuar aproximadamente igual a de 2009.

Simonson, que era o vice-presidente financeiro até o fim de outubro do ano passado, afirmou ainda esperar que cerca de metade dos sistemas operacionais móveis atualmente em uso sobrevivam no que é um mercado global altamente competitivo.

"Definitivamente não há espaço o bastante para mais de 4 ou 5 sistemas operacionais", disse ele.

Aproximadamente 10 sistemas operacionais estão disputando fatia de mercado e a Samsung Electronics planeja lançar sua própria plataforma no próximo ano.

"A escala é crítica. Por exemplo, o sistema da Palm é muito bom, mas com menos de 1 por cento do volume global, ele não terá muito apelo junto aos desenvolvedores", disse ele.

 
<p>Mulher usar o telefone enquanto passa por an&uacute;ncio da Nokia em Londres. A Nokia vender&aacute; mais de 500 milh&otilde;es de celulares este ano, acima das expectativas do mercado, afirmou um executivo da empresa ao indiano Economic Times, em entrevista.10/07/2009.REUTERS/Luke MacGregor</p>